Dieta Alcalina (ou Dieta Ácida)

Volta e meia aparece uma nova dieta da moda que parece arrebatar as capas de revistas de emagrecimento, programas de televisão de diversidades e conversinhas no bebedouro das academias. É o caso da Dieta Alcalina, também conhecida como Dieta Ácida. Mas será que essa nova dieta da moda funciona?

A promessa da dieta

A Dieta Alcalina ganhou grande repercussão depois de que várias celebridades de Hollywood aparecem ne revistas e na TV falando do quanto ela fez bem para eles, tanto para estética quanto para a saúde, pois essa dieta além de prometer a perda de peso diz evitar problemas como a artrite e até diversos tipos de câncer.

A teoria principal que fundamenta a Dieta Alcalina é que alguns alimentos, como carne, trigo, açúcar refinado e alimentos processados no geral​​, fazer com que seu corpo produza ácido, o que é ruim para você.

Essa teoria leva os defensores e pregadores da Dieta Ácida a constatarem que comer certos tipos de alimentos faz seu corpo ficar mais alcalino, o que pode proteger você contra essa acidez que pode trazer doenças, e de quebra ainda fazê-la perder peso. A dieta alcalina realmente disparou para a notícia quando Victoria Beckham twittou sobre um livro de receitas de dieta alcalina em janeiro de 2013.

Victoria Beckham adepta da dieta alcalina dieta acida

Victoria Beckham adepta da dieta alcalina.

A Dieta Alcalina funciona?

A Dieta Alcalina pode até ajudar você a emagrecer, porém não é nenhum milagre e não funciona como dizem.

Vamos falar um pouco sobre química: o nível de pH de algo mede o quão ácido ou alcalino algo é. Um pH de 0 é totalmente ácido, enquanto que um pH de 14 é completamente alcalino. O que nos leva a constatar que um pH neutro é de 7. Esses níveis variam por todo o nosso corpo. O sangue é ligeiramente alcalino, com um pH entre 7,35 e 7,45. Seu estômago é muito ácido, com um pH de 3,5 ou menos, para que ele possa digerir a comida.

O corpo esta sempre buscando regular o pH, por isso que surgem as alterações na urina, dependendo do que você come – é assim que seu corpo mantém o nível de pH no sangue estável.

A dieta alcalina pretende ajudar seu corpo a manter o seu nível de pH do sangue. Na verdade, nada que você comer vai mudar substancialmente o pH do sangue. Seu corpo trabalha para manter o PH em nível constante.

Os alimentos que você precisa comer para seguir a dieta alcalina são bons para você: muitas frutas e verduras e muita água. Além disso, você precisa evitar o açúcar, álcool e alimentos processados. Agora me diga, como a pessoa não vai perder peso se alimentando assim? É impossível não emagrecer seguindo essa dieta, não pelo fato dos alimentos serem alcalinos, e sim por eles serem saudáveis e pouco calóricos.

Os demais benefícios da Dieta Alcalina

Quanto aos outros benefícios a sua saúde que essa dieta promete, há alguma evidência inicial de que uma dieta pobre em alimentos que produzem ácidos como proteína animal (carne e queijo) e pão e rica em frutas e vegetais pode ajudar a prevenir pedras nos rins, a manter os ossos e músculos fortes, melhorar a saúde cardíaca e a função cerebral, reduzir a dor lombar, e reduzir o risco de câncer de cólon e diabetes do tipo 2. Mas os pesquisadores ainda não têm certeza.

As pessoas que acreditam na dieta alcalina dizem que embora os alimentos mudem nosso equilíbrio do pH apenas um pouco, se você continuar consumindo alimentos ácidos por um longo tempo seu sangue ficará cada vez mais suscetível ao aumento da acidez.

O que comer e o que não comer na Dieta Alcalina?

O que comer: a maioria das frutas e legumes, soja e tofu, e algumas nozes, sementes e legumes são alimentos alcalinos, por isso são altamente recomendáveis na dieta.

O que não incluir na dieta ácida: lácteos, ovos, carne, a maioria dos grãos e alimentos processados​​, como enlatados e lanches prontos. Todos tendem a acidez e não são permitidos.

A maioria dos livros que ensinam a dieta alcalina dizem ainda que você não deve beber álcool ou cafeína. Uma triste notícia para a maioria dos brasileiros que consomem esses tipos de bebidas.

Dieta Alcalina quais alimentos consumir

No gráfico é possível ver quais alimentos consumir e quais não na dieta alcalina.

É difícil fazer a Dieta Alcalina?

Você precisa cortar uma quantidade imensa de alimentos que com certeza fazem parte de sua dieta diária. Por esse motivo pode-se dizer que a Dieta Alcalina é difícil de adotar.

Além do mais, você precisará aprender a comprar e preparar os alimentos alcalinos, pois como dissemos anteriormente os alimentos processados estão totalmente proibidos devido ao seu nível de acidez.

Limitações e cuidados com a dieta ácida

Um dos pontos mais fracos da Dieta Alcalina em minha opinião é a não previsão de um plano de exercícios físicos conjugado com a dieta. Como você esta cansado de saber é impossível ter saúde sem se exercitar, portanto não se iluda que essa ou outra dieta “milagrosa” irá sozinha promover melhorias significantes em sua saúde.

Se quiser se aprofundar no assunto assista o vídeo a seguir. Apesar de ser português de Portugal é bem fácil de entender.

A Dieta Alcalina encaixa bem em um plano de alimentação de pessoas vegetarianas, assim como na alimentação de celíacos, porém cuidado, pois apesar da dieta excluir trigo, para evitar o glúten completamente você precisará verificar os rótulos dos alimentos com cuidado, pois o glúten não esta apenas no trigo.

Quanto a Dieta Alcalina emagrece?

Diversas revistas de emagrecimento e boa forma pregam que é possível perder até 8 quilos por mês sem a necessidade de contar calorias, ou seja, comendo a vontade desde que dentro do cardápio da Dieta Alcalina.

Essa afirmação é uma grande bobagem, pois como você sabe o balanço calórico deve ser sempre considerado, independente do tipo de dieta e alimentação que você tenha. É possível perder peso sim com a dieta alcalina, porém não espere milagres e não se iluda com a balança, pois muito da diminuição de peso causado pela dieta alcalina é perda de água. Como você consumirá menos produtos industrializados consequentemente consumirá menos sódio, que é conhecido como grande fonte de retenção de líquidos.

 

Advertência: antes de começar qualquer dieta ou rotina de exercícios físicos a fim de emagrecer, perder peso ou ganhar massa muscular, um médico deverá ser consultado.

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *